Back to basics with Colour b4

2016-06-23

No Sábado passado perdi a paciência que tinha para continuar a manter os meus cabelos pretos.

O Verão está aqui – bem, ainda não chegou a Londres, mas estou com fé – e eu não quero ter que me preocupar em retocar as raízes. Se bem que, o principal motivo desta mudança é por ter saudades do meu cabelo castanho cor de avelã. Ando fixada no preto (alternadamente com outras cores) desde os 18 anos.

Então experimentei novamente este produto que é um autêntico milagre. Já é a segunda vez que o utilizo e estou positivamente surpreendida. Ninguém acredita que eu não pintei o cabelo!

É chamado Colour B4 e na minha opinião é perfeito. A aplicação é super fácil, parecida à de uma tinta de cabelo em que se misturam os conteúdos de uma garrafinha para outra e aplica-se no cabelo, deixando por 60minutos. No fim, enxaguar por 5-10 minutos e aplicar um último produto para retirar os vestígios de tinta do cabelo.

Pros:

  • Remove a cor artificial do cabelo;
  • O cabelo está completamente preparado para ser pintado assim que este processo está completo (o cabelo tem que estar seco para ser pintado da cor desejada);
  • Não pinga, mesmo sendo líquido. Eu tenho cabelo curto e isto é um ponto a favor para mim.

Contras:

  • O cheiro. Pelo amor da Santa, ninguém imagina o cheiro disto. É que nem sei por onde começar, mas parece que um dos ingredientes do produto são ratos mortos. Eu sugiro aplicarem o produto numa casa de banho com a porta fechada e assim que terminarem coloquem todos os utensílios (garrafinhas, luvas, qualquer coisa que tenha entrado em contacto com o vosso cabelo) num saco de plástico e lixo – de preferência fora de casa;
  • Não é tão eficaz em cabelos pretos tendo tendência para dar uma tonalidade meia avermelhada – como o meu, mas estou a gostar. Funciona melhor em cabelos alaranjados, loiros, vermelhos.

Já conheciam este produto? Se tiverem alguma questão, disponham, estou disponível no que possa ajudar. 🙂

E não se esqueçam de fazer like na página do blog no Facebook.

~EN~

Last Saturday I just lost the patience to maintain my black hair.

Summer’s here – well, not in London yet, but I have faith – and I don’t want to have to worry about doing my roots. Though, the main reason I’ve done is that I actually miss my natural hazelnut brown colour as I have been dying it black since I was 18.

So I used this miraculous product I tried before and I am very well impressed about it (once again)! You know when you find a miracle that works so well no one believes you? I am here to share this with you. No one at works believe I have not dyed my hair, awesome!

It’s called Colour B4 and it works pretty well with me. The way to apply it is similar to a hair dye. You mix one bottle with the other and apply it to the hair, leaving it in for 60 minutes. Once done, wash it off for 5-10minutes and apply the last product to wash the hair dye off the follicles. Simple!

Pros:

  • It strips the dye from the follicles;
  • Hair is fine to be dyed straight after using this product (after drying it, can apply whatever colour you wish);
  • It doesn’t drip, even though is liquid. I have short hair, so I would have noticed if it did.

Cons:

  • The smell. Is the only bad thing about it really. It is unreal. I don’t even know where to start with this, literally feels like they killed some mice and added it to the product before finishing. And the smell sticks everywhere in the flat. I suggest you do to this in the toilet with closed door, and place all bottles/gloves/whatever had contact with your hair in a bag and bin it – far from the house. After doing the application in the toilet, you can wrap your hair with cling film (my favourite technique) so the smell won’t spread around the house;
  • It does not reacts that well on black hair, as it kind of tends to turn slightly reddish (like mine – but I am embracing it). Works best on reds, orange and artificial colours.

Did you know about this product? If unsure, don’t hesitate to ask me anything about it, as long as I can help 🙂

And don’t forget to like the blog on Facebook.

Advertisements