hibernate.

This is way overdue, but today I’ve woken up inspired. I’ve missed writing and I honestly think this work wonders for my mental health. I may have got inspired by the rain that hasn’t stop falling for the past 24h, making this a super cosy autumny Saturday ❤

I’ve just installed Lightroom and had a little play around to revamped the blog to make it a bit more warm, what do you think?

A lot has happened since the last time I’ve been around here, but then at the same time, nothing much (’cause you know… corona…). Talking about the elephant in the room, there’s a lot of happy thoughts in my mind that I’d like to open up about and share with you. If it helps brighten your day – I’ve achieved my mission.

These are definitely weird times we’re going through but after living it for the past 6 months (half a year, wow) I can say that I try to look at the positives as much as I can.

Before working from home, I’d never step outside for a walk (unless it was the weekend). I’ve been doing this quite frequently now, either with him or with the company of one of my favourite podcasts. When I get home, not only I feel accomplished but I also feel this is a part of my mindfulness routine. It helps me relax.

If I don’t fancy a home workout before my shift starts, I wake up 30min before work. If I had to commute, I had to wake up at 6:45 am rather than 8:30 am. Winning!

I’ve been spending all my awake time in his company, which it has been challenging but we’re here talking about positives – and I’m not gonna lie that I love the little breaks we take during the day.

Last but not least, I’ve been appreciating the time with my friends and family (when I eventually go and get to see my family) way more than before all of this. I always try to get the most of our social gatherings as they’re so rare these days ❤

I hope this brings you some joy and help you focus on what good is coming out of all of this. Stay safe and have a lovely weekend 🙂

🇵🇹 PT

Isto já vem com algum atraso, mas hoje acordei inspirada. Já tinha saudades de escrever e para ser sincera acho que faz bem à minha sanidade mental. Se calhar a minha inspiração veio do dia de outono perfeito – a chuva cai há 24horas ❤

Acabei de instalar o Lightroom e andei aqui a brincar para dar um look mais de outono ao blog, o que acham?

Já se passou bastante desde a última vez que escrevi, mas também verdade seja dita que não se passou nada demais (obrigadinha coronavirus). Por falar nisso, tenho muitas ideias positivas que gostava de partilhar com vocês. Se vos trouxer um bocadinho de luz ao fundo do túnel – já cumpri a minha missão.

Obviamente que o que estamos a viver é um momento estranho, anormal. Mas posso dizer que depois de 6 meses em casa (wow, meio ano já) tento mais que nunca pensar nos pontos positivos.

Antes de trabalhar de casa, eu raramente fazia caminhadas a não ser ao fim-de-semana. Agora tenho andado a pé frequentemente, seja com ele ou com a companhia dum podcast. Quando chego a casa não só me sinto realizada como também sinto que isto é bom para a cabeça, para desanuviar. Ajuda-me a relaxar.

Se não me apetece fazer um workout antes do meu turno começar, eu acordo literalmente 30 minutos antes de começar a trabalhar. Se tivesse que ir para o trabalho, teria que acordar às 6:30 em vez das 8:30 – pontos positivos!

Tenho passado o meu tempo todo na companhia dele, que tem sido desafiante em tempos, mas estamos aqui para falar dos positivos e eu não vou negar que adoro os nossos intervalinhos juntos.

Por último, tenho apreciado cada vez mais os encontros com os meus amigos e família (quando eventualmente consigo visitá-los) muito mais do que antes disto tudo. Tento sempre tirar o máximo do nosso tempo juntos já que é tudo tão raro ❤

Espero que isto vos tenha trazido algum alento e vos ajude a focar no melhor que podemos tirar desta situação. Mantenham-se seguros e tenham um bom fim-de-semana 🙂

Coffee-lover alert

(Read: I am losing the plot or my coffee is so good that I have to write about it.)

In these hard times we’re living, we’re running out of coffee in the house. Drama. We’ve got a huge Tesco online delivery last night and forgot to order our absolute fav Nescafé Gold Instant Coffee. When this got me thinking that earlier this week I’ve ordered a new Dolce Gusto espresso machine (that is conveniently arriving with 128 coffees – winning!). My oldie of around 8 years is broken and I’ve been enjoying that after-lunch espresso too much to let it go.

I have never put much thought into my passion for coffee, but what we are not lacking nowadays is time to think and overthink, right? And… I’ve been drinking 3 coffees a day, religiously – 2 long instant coffees in the morning and an espresso after lunch.

And this morning I finally got confronted with the empty coffee pot. I decided to use one of the other methods I owe in this coffee paradise land.
I’ve used the french press for now – lovely for when you have the lovely blends from Costa Rica or Colombia coffee, or whatever you may prefer. And I am happily sipping it down and thought I would share.

I also own an italian espresso machine: my favorite thing about this one is how it works, I find it magical that the water comes up through the coffee and… the adorable smell it leaves in the open-kitchen-living-room area ❤

I have mentioned before (here) that if you are an avid coffee lover like me, I wouldn’t go out of my way to try the Luwak coffee in Bali – you’re welcome 🙂

As I said, I might have easily lost the plot, so give me a break.
⭐ If you found this minimally interesting I’d love to know if you are obsessed with coffee? What is your favorite type/brew? If you quit coffee I’d love to know why too.

🇵🇹
(Leia-se: Queimei o neurónio ou o meu café está tão bom que eu tenho que escrever sobre isto.)

Para ajudar nesta fase complicada da nossa vida, estamos a acabar o café em casa. O drama, a tragédia. Recebemos ontem uma encomenda gigante do Tesco, que fizemos online e esquecemo-nos de adicionar o nosso Nescafé Gold instantâneo. Mas lembrei-me que mandei buscar uma Dolce Gusto (máquina de espressos) nova – que convenientemente vem com 128 cafés (yay). A que uso actualmente está partida e tenho confiado demasiado naquele espresso depois do almoço para esperar que ela um dia deixe de funcionar, de todo.

Nunca pensei tanto acerca de café, mas sejamos sinceros… se há coisa que não nos falta hoje em dia é tempo para pensar e repensar, certo? E… tenho bebido 3 cafés ao dia, religiosamente – 2 longos instantâneos de manhã e um espresso depois do almoço.

E esta manhã, finalmente, fui confrontada com o frasco do café vazio. Decidi usar um dos outros métodos que tenho para aqui nesta la la land do café (é o que gosto de pensar da minha cozinha).
Hoje usei o french press – é uma maravilha se usarem café mesmo bom da Costa Rica ou da Colombia, por exemplo. E estou, serenamente, a saboreá-lo e achei que devia partilhar com a blogosfera.

Também tenho uma máquina de italian espresso: a minha parte favorita é ver como funciona, continuo a achar mágico que a água sobe passando pelo café… e o cheirinho que me deixa na cozinha/sala ❤

Já que estamos neste assunto, mencionei antes (aqui) que se amam café, como eu, eu não ia propositadamente provar o Luwak Coffee em Bali – de nada 🙂

Comecei este post e volto a repetir, provavelmente queimei mesmo a pipoca – deixem-me em paz.
⭐ Se acharam isto minimamente interessante, eu gostava de saber se também são obcecados com café? Qual é o vosso tipo preferido? E se cortaram com o café da vossa vida, porquê?

 

Love 1 – 0 Coronavirus

I have made a little announcement this morning on my facebook page and you probably know by now if you follow me on instagram or if you know me at all – I just can’t shut up about it!
I have a nice and easy chillout playlist in the background, I woke up early and I meditated whilst the sun is shining brightly and warm. It even makes you think is just another regular lazy Sunday – only if we could just head out and have breakfast in Blackheath…
I digress, without any further drumrolls: I AM ENGAGED! 😀
He did it, last week! AND I SAID YES.
He bent down in one knee, in the same spot where 4 years prior he had told me the words that changed my life: “I am moving to London”. It was beautiful, unexpected… ours ❤ HE PUT A RING ON IT!
I cried a little bit and think the moment has gone by too fast that I can’t remember fully the details, how I reacted. My heart was pounding and I felt lightheaded for the rest of the evening. I kept waking up during the night to look at my finger to certify myself this wasn’t just a dream.
He knows me so well, the ring is absolutely stunning, he chose a Tiffany diamond ❤
We had planned to go to Prague 2 days after the proposal and obviously that the stupid Coronavirus had to get in the middle of our plans and we didn’t get to travel (and we don’t know when we will) and for 9 days now we are isolated at home (only having left twice to go to the supermarket).
I hate that this is taking away part of my happiness that I should be feeling right now, but I guess happier days will come.
For now, I’ll keep admiring my perfect ring, take a deep breath, look at him always beside me and feel the warmth increasing inside me ❤
Thank you for showing your love for me unconditionally every day, for your company, for hugging me and telling me this is going to be ok. Thank you. I love you, Francisco.

🇵🇹

Fiz um pequeno anúncio esta manhã na minha página do facebook e tu provavelmente já deves saber se me segues no instagram ou se me conheces de todo – eu não me calo com isto desde o primeiro dia!
Tenho uma playlist de chill out a tocar de fundo, acordei cedo e meditei com o sol quente a brilhar. Quase que me leva a pensar que é só mais um Domingo lento – ai quem me dera sair de casa e tomar o pequeno almoço em Blackheath…
Mas voltando ao assunto, sem mais suspanse: EU ESTOU NOIVA! 😀
Ele pediu, a semana passada! E EU DISSE QUE SIM.
Ajoelhou-se, no mesmo sítio onde há 4 anos atrás me disse as palavras que mudaram a minha vida: “Eu vou mudar-me para Londres”. Foi bonito, inesperado… nosso ❤ ELE COLOCOU-ME UM ANEL NO DEDO!
Deitei umas lágrimitas e tenho para mim que o momento passou demasiado rápido porque não me consigo lembrar bem dos detalhes, nem de como reagi. O meu coração estava demasiado acelerado e passei o resto da noite meia zonza, delirante.
Acordei vezes sem conta durante a noite e olhei para o meu dedo, para me certificar que não foi só um sonho.
Ele conhece-me tão bem, o anel é sublime, ele escolheu um diamante da Tiffany ❤
Já tínhamos planeado para ir a Praga 2 dias depois do pedido e obviamente que o burro do Coronavirus meteu-se no meio e não pudemos viajar (nem fazemos ideia de quando poderemos de novo) e desde há 9 dias que estamos isolados em casa (tendo só saído 2x para ir ao supermercado).
Eu odeio que isto esteja a apagar parte da felicidade que eu deveria estar a sentir neste momento, mas acredito que dias mais risonhos virão!
Por agora, vou continuar a admirar o meu anel perfeito, a respirar fundo, a olhar para ele sempre ao meu lado e a sentir o calorzinho que cresce dentro de mim ❤
Obrigada por me mostrares o teu amor incondicionalmente todos os dias, pela tua companhia, por me abraçares e me dizeres que vai tudo ficar bem. Obrigada. Amo-te, Francisco.